31 de Dezembro : PASSADO, PRESENTE, E FUTURO, NOVO COMEÇO


31 de Dezembro : PASSADO, PRESENTE, E FUTURO, NOVO COMEÇO

Leitura: Filipenses 3:15-21

Mais uma vez estamos dizendo: "Feliz Ano-Novo!" É possível ter um feliz Ano-Novo? Podemos realmente ter um novo 2005 ou será ele tão-somente o velho ano com um número diferente?
Na realidade, o que é novo? Ainda temos as mesmas velhas dívidas, os mesmos problemas, o mesmo emprego, o mesmo mundo, as mesmas pessoas e o mesmo velho eu!
No seu quadro "Uma Alegoria da Prudência," o pintor veneziano do século XVI, Titian, retratou a Prudência como um homem com três cabeças. Uma cabeça era a de um jovem virado para o futuro, outra de um homem adulto a olhar o presente, e a terceira era de um homem idoso contemplando o passado. Sobre as suas cabeças Titian escreveu uma frase em latim que significa "Do exemplo do passado, o homem do presente age prudentemente para não pôr em perigo o futuro."
Paulo pôde "esquecer" o seu passado e antecipar o seu futuro (Filipenses 3:13-14). Isto não quer dizer que a sua memória tenha sido apagada; quer dizer que Paulo estava livre de qualquer culpa, ou orgulho que possa ter sentido nas suas ações passadas, porque Deus o perdoou. Esta atitude permitiu-o viver o presente e "prosseguir para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus" (v.14). Logo, ele tinha uma paixão que o impelia - conhecer melhor a Cristo.

O que pode tornar este novo ano diferente do último? É deixar que Jesus o substitua como Mestre de sua vida! "Em Cristo... as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas."

Ao encerrarmos o capítulo de 2004, precisamos nos dedicar outra vez a Cristo. Jesus irá nos capacitar para vivermos abundantemente no presente, à medida que recebemos sabedoria do passado para enfrentarmos o futuro com coragem.

NUNCA DEIXES QUE UM PASSADO DESANIMADOR  OFUSQUE UM FUTURO BRILHANTE.


Novos Começos


Permita-me partilhar com você quatro novos começos. Primeiro, Cristo torna a religião nova porque Ele torna as pessoas novas. Quando vamos a Jesus com total submissão, o eternamente "novo" invade nosso ser e nos refaz o espírito. Ao vivermos com Cristo a cada dia, recebemos nova compreensão de Seu amor e bondade, vislumbres novos daquilo que Ele significa para nós e do que significa viver para Ele.

Segundo, Cristo torna novas as nossas relações sociais. Quando Jesus nos transforma em novas criaturas, vemos as pessoas ao nosso redor de modo diferente. Não as consideramos rivais que precisamos vencer, mas filhos e filhas de Deus a quem podemos amar e ganhar para Cristo.

Terceiro, Cristo transforma nossos relacionamentos familiares. É absolutamente fantástico o que Jesus pode fazer num lar quando mamãe e papai dão a Jesus o primeiro lugar em seu coração. Os filhos certamente vêem a diferença quando Jesus lidera a família.
Quarto, Cristo altera nossos relacionamentos comerciais. Ele nos capacita a ser francos e honestos em todas as nossas transações.

É assim que Cristo torna novas as coisas – Ele nos ajuda a vê-las sob o devido foco. Assim, confiantes em Cristo, façamos de 2011 um ano de novos começos.

Assine Agora.

Receba Estudos Biblicos diariamente no seu E-mail.